Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

ALPHA AUTOS 40ªEDIÇÃO - ALPHA ESPORTES


Com crise ou sem crise, os motores roncarão
O que esperar de 2009 no automobilismo

Edmur Hashitani

Feliz 2009 a todos! Mais um ano começando, hora de rever erros e consertá-los. Tempo de fazer planos e esperar que o novo ciclo que se inicia seja repleto de boas notícias em todas as áreas da sociedade. E, claro, em nosso esporte não é diferente. Mesmo com a crise financeira que assombra investidores em todo o globo e coloca em risco a participação de equipes em campeonatos de automobilismo, o ano começa com algumas boas novas. A Fórmula 1, por exemplo, que promete maior competitividade com as mudanças aerodinâmicas. Claro, temos que torcer ainda para que a Honda seja vendida e não vejamos a maior categoria de esporte a motor do mundo com menos de 20 carros no grid. Teremos também uma nova categoria de acesso direto à F1, a Fórmula 2. Campeonato promovido pela FIA para competir com a GP2. Os carros serão fabricados pela Williams e preparados pela MotorSport Vision (não é a equipe Vision da Indy). O vencedor do campeonato terá direito a um teste com uma Williams no final do ano. Belo prêmio. Para uma categoria nova, com apenas uma equipe, já há um número razoavelmente bom de pilotos inscritos. No entanto, até o fechamento desta edição, nenhum brasileiro constava na lista de inscritos.

Outra categoria que pode ter sua estréia em 2009 será a GreenPrix USA. Ainda são poucos os detalhes sobre este novo campeonato dos Estados Unidos, mas especula-se que a categoria use os carros que seriam usados na Champ Car 2008, antes de se fundir com a Indy.

A criação da GreenPrix pode ser uma boa opção para os adeptos da antiga CART que não se acostumaram ao formato da atual Indy. Além de sempre ser louvável a atitude de pessoas que pensam em formas de promover o esporte sem agredir o meio ambiente.

No Brasil a Stock Car começa o ano com carros novos. O modelo 2009, projetado pela JL Competições, promete melhor relação entre desempenho e segurança. A nova temporada também terá provas novas, voltando ao Nordeste com uma etapa em Salvador, a ser realizada em julho. Se estiver pronto até novembro, o Velopark, no Rio Grande do Sul, também pode substituir a etapa gaúcha, até então disputada em Tarumã.

Além das alterações no calendário e nos veículos, as equipes terão mudanças. Na principal, a troca entre o atual campeão, Ricardo Maurício, que vai para a RC Competições, na vaga de Cacá Bueno, que ficou com seu lugar na WA Mattheis. Ao seu lado, terá Daniel Serra. O vice-campeão de 2008, Marcos Gomes, também saiu da A.Mattheis, e ainda não tem vaga confirmada para esta temporada.

Do outro lado do Atlântico, a situação dos brasileiros não é das mais confortáveis. O título da Fórmula 1 pode ter mais equipes na disputa do que em 2008, após as mudanças aerodinâmicas. Em uma aposta cega, pois nem todas as equipes colocaram seus modelos 2009 na pista, diria que Felipe Massa, apesar de favorito, terá, além das McLaren, a concorrência direta da Renault de Fernando Alonso e da Red Bull de Sebastian Vettel.

Enquanto isso, Nelsinho Piquet terá um ano para mostrar que, além do nome famoso, tem talento o suficiente para permanecer na Fórmula 1. E Rubens Barrichello, Bruno Senna e Lucas di Grassi começam o ano lutando para conseguir um cockpit.

Tudo isso só mostra que, com crise ou sem crise, o ano automobilístico começa com motivos de sobra para não faltar emoção!

Rápida
A Ferrari lança na segunda-feira, pela internet, o F-2009, que disputará a temporada de F1. O endereço é www.ferrariworld.com .

Para notícias atualizadas durante a semana e as opiniões além da coluna, acesse http://bandeirada.wordpress.com.

Nenhum comentário: