Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

ALPHA AUTOS 38ªEDIÇÃO - ALPHA MOTOS


Suzuki Bandit média cilindrada com alta tecnologia
Para aumentar o conforto, a posição do guidão e a altura do assento são reguláveis

Imprensa Suzuki

A nova Bandit 650 chegou às Concessionárias Autorizadas Suzuki de todo o país em 2007. O modelo foi projetado para oferecer conforto, potência e, principalmente, diversão. É perfeito para a utilização no mundo real – seja no trânsito urbano, na estrada ou nas curvas de uma pista de montanha. Seu motor totalmente redesenhado, com 656cc, está preparado para oferecer entrega de potência suave e resposta precisa ao acelerador. O novo motor quatro tempos, quatro cilindros, DOHC, foi desenvolvido especificamente para a Bandit. Com refrigeração líquida, oferece não apenas mais potência, mas também menor
emissão de gases poluentes.

Os eixos de transmissão estão dispostos verticalmente, para diminuir o comprimento do motor. O alternador, mais potente, compacto e leve, está localizado no extremo esquerdo do virabrequim, reduzindo assim as perdas mecânicas. A transmissão de seis velocidades atua através de um novo sistema hidráulico, que exige menor pressão sobre o manete para uma resposta eficiente.

O sistema de injeção de combustível SDTV (Suzuki Dual Throttle Valve) é exemplo da aplicação da mais alta tecnologia em uma motocicleta de média cilindrada. Cada corpo do acelerador de 36mm possui duas válvulas de borboleta, uma primária (acionada pelo punho do acelerador) e uma secundária, controlada pelo sistema de gerenciamento computadorizado do motor (ECM). Esta mantém a velocidade ideal de entrada de ar, alcançando assim a máxima eficácia de combustão e uma entrega de potência mais contínua.

O sistema PAIR, também controlado pelo sistema de gerenciamento do motor (ECM), injeta ar fresco captado pela caixa de ar nos dutos do escapamento, queimando os hidrocarbonetos não utilizados. O sistema de escape em aço inoxidável possui um sensor de oxigênio que permite controlar melhor a eficácia da combustão e ajustar o volume de injeção de combustível, tudo isso para reduzir as emissões de gases poluentes à atmosfera.

O chassi de duplo berço em aço está mais rígido, para acompanhar a nova entrega de potência da Bandit 650. A suspensão dianteira, telescópica e de amortecimento hidráulico, possui pré-carga da mola ajustável para adaptar-se às diferentes cargas e preferências do piloto. A suspensão traseira é monoamortecida e trabalha através de um sistema link progressivo, projetado para responder suavemente, mas de maneira eficaz, às irregularidades do terreno.

O freio dianteiro é composto por duplo disco flutuante de 310mm de diâmetro, mordido por pinças de quatro pistões opostos. O disco traseiro mede 240mm de diâmetro e é mordido por pinça deslizante de pistão simples.
Para aumentar o conforto, a posição do guidão e a altura do assento são reguláveis. O completo painel possui tacômetro analógico e uma tela de LCD com velocímetro, marcador de combustível e relógio. Há também indicadores de ponto-morto, pressão do óleo, farol alto, temperatura da água e indicador de falhas do sistema de injeção eletrônica.

As novas Bandits podem ser encontradas nas Concessionárias Autorizadas Suzuki de todo o Brasil nas cores preta, azul escuro, azul e vermelha, a um preço sugerido de R$ 31.151,00 para a versão naked e R$ 32.709,00 para a semicarenada.
Para mais informações, ligue para o Canal de Vendas pelo número 0800 707 8020 ou acesse www.suzukimotos.com.br

Nenhum comentário: